Região Noroeste

Chuva que se espalha pelo Estado causa estragos em Capão do Cipó

Instabilidade também deve trazer mais precipitação para a Região Metropolitana

21/03/2012 | 18h24

Em menos de 15 minutos, um temporal hoje em Capão do Cipó, no Noroeste, derrubou árvores, destelhou casas e atingiu carros na região norte do município e na zona rural.

Por volta das 14h, chuva e vento fortes derrubaram muros da prefeitura, destruiu telhado  e quebrou vidros do posto de saúde do município. Uma árvore caiu sobre o prédio da Brigada Militar e levou ao chão uma parede.

Clube e CTG da cidade também tiveram telhados arrancados com a força do vento. Eucaliptos atingidos pelo temporal caíram sobre a rede elétrica, deixando a cidade às escuras. Galhos e até árvores inteiras foram arrancados com o vendaval e causaram danos nos veículos.

 Cinco equipes da prefeitura trabalharam no levantamento dos estragos e auxílio aos atingidos pelo temporal fazendo a distribuição de lonas. No  município de 3,1 mil habitantes, o número de famílias prejudicadas chega a 30 no perímetro urbano. Na zona rural, onde ficam dois assentamentos, ainda não se tem ideia de quantas foram as casas destelhadas.

 Segundo o prefeito Osvaldo Froner, até segunda-feira, moradores serão removidos para cidades da região para consultas médicas, fisioterapia e exames, até que o posto de saúde possa retomar as atividades.

Como está o tempo em sua cidade? Envie fotos

Nas próximas horas, a instabilidade continua se espalhando em direção ao Norte do Estado. Imagens de satélite também mostram a incidência de raios no extremo sul do Estado e há risco de pancadas de chuva com intensidade.

— As nuvens que estão sobre a Capital têm todas as caracteristicas para trazer chuva, mas sem expectativa de temporais — diz a meteorologista Estael Sias.

Pela manhã, a precipitação mais intensa ocorreu em Rio Grande, onde caíram 18 mm entre 9h e 10h. À tarde, a estação automática do Grupo RBS em Passo Fundo registrou 22 milímetros.

— Mas a chuva mais forte foi em áreas onde não há estações — completa Estael Sias.
 
Durante a madrugada, o ar frio pode intensificar a chuva em cidades do Norte do Estado. A manhã de quinta já inicia com sol na metade sul e o tempo abre em praticamente todo o Rio Grande do Sul ao longo do dia.

 Acompanhe as estações meteorológicas do Grupo RBS

VEJA TAMBÉM

     
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.