Seu Olhar

Leitores contam o que Jericoacoara, no Ceará, tem de especial

O acesso um tanto complicado ajudou Jericoacoara a manter seu clima de vila de pescadores. Mas não se engane: Jeri tem tudo que um turista possa querer

Por: Zero Hora
07/03/2017 - 05h00min | Atualizada em 07/03/2017 - 05h00min

Na seção Seu Olhar, os leitores do caderno Viagem compartilham suas experiências em destinos pelo mundo de acordo com desafios propostos por ZH semanalmente. Confira mais desafios.

Foto: arquivo pessoal / Arquivo Pessoal

Uma aventura que vale a pena, por Melissa Marchi

Quem não foi a Jericoacoara não conheceu o Ceará por completo.

Eu já tinha visitado o Estado mais de uma vez, mas minha primeira aventura em Jeri foi apenas em agosto de 2016. Digo aventura porque foi uma viagem longa de Porto Alegre até lá. Depois do avião, embarcamos, um amigo e eu, em um transfer de quatro horas de ônibus e mais uma hora de jardineira. Chegamos à noite, literalmente, com os pés na areia. Complicado de levar as malas e fugir dos guias, mas não demoramos muito a encontrar nossa pousada, com chalés rústicos e aconchegantes. Então, saímos para conhecer os bares transados, com música para todos os gostos e coquetéis criativos.

Leia também
Viagem une três santuários ecológicos em roteiro no Nordeste
Férias de verão: uma sugestão de destino em cada Estado brasileiro
Em tempos de crise, qual é o melhor destino para as férias?

No dia seguinte, fomos explorar as praias, conhecer o monumento natural da Pedra Furada e as lagoas paradisíacas de Jijoca: Azul, rústica, e do Paraíso, com uma grande infraestrutura.

Seguindo nosso roteiro, conhecemos a praia do centro de Jeri, tanto à noite, com um céu lindo e estrelado, quanto de dia, com dunas branquinhas e um pôr do sol que virou ponto turístico (no final da tarde, turistas e nativos sobem metros de areia para apreciar, na chamada Duna do Pôr do Sol, o espetáculo da natureza).

Para os amantes de esportes, os ventos da região são propícios para a prática de modalidades como kitesurfe e windsurfe. A única coisa que me arrependo em Jeri foi não ter ido ao forró... De resto, amei e recomendo!

Perfil
Melissa Marchi, 41 anos, é técnica em radioterapia

Leia mais relatos de leitores

Foto: arquivo pessoal / Arquivo Pessoal

"A Lagoa do Paraíso fica no município de Jijoca de Jericoacoara, a aproximadamente 300 quilômetros de Fortaleza. Um lugar encantador e indescritível. É visita obrigatória para quem vai ao Ceará."

Roberta Dobrowoski
De Porto Alegre, em junho de 2016

Foto: arquivo pessoal / Arquivo Pessoal

"Jeri é um lugar incrível, onde o luxo vem de coisas muito simples. Os moradores são muito criativos — em todas as casas, sempre tem algo que chama atenção. Sem falar do pôr do sol, que é maravilhoso. Um destino ao qual eu sempre voltaria."

Luiz Fernando Provin
De Maximiliano de Almeida, em julho de 2016

Foto: arquivo pessoal / Arquivo Pessoal

"A Árvore da Preguiça, na praia do Preá, é uns dos pontos turísticos mais curiosos de Jericoacoara. Ela aparenta estar deitada — o crescimento peculiar é resultado da ação do vento. O mais interessante é que, apesar dos ventos fortes e do clima seco, ela segue em crescimento. Por isso, os moradores a consideram sinônimo de força e resistência."

Yana Pansera e Mauro Fabiani
De Passo Fundo, em agosto de 2016


 
 
 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.