Sem choro

"Dia mais triste do ano" seria ação de marketing, diz jornal

Fórmula de psicólogo que calcula dias mais depressivos e felizes do ano não tem base científica

Atualizada em 20/01/2014 | 17h5920/01/2014 | 16h15
"Dia mais triste do ano" seria ação de marketing, diz jornal Julia Freeman-Woolpert/Stock.xchng
Uma fórmula que combina diversos fatores indicou esta segunda-feira como o dia mais triste de 2014 Foto: Julia Freeman-Woolpert / Stock.xchng

Correção: Até as 17h50 do dia 20 de janeiro de 2014, este texto sugeriu que a pesquisa sobre "o dia mais triste do ano" era confiável. O texto foi alterado, acrescentando a informação de que o estudo não tem base científica.

Você está se sentido um tanto triste nesta segunda? Segundo um psicólogo britânico, isso seria apenas uma consequência do efeito "Blue Monday", o dia mais triste do ano. O estudo do pesquisador, entretanto, não tem base científica e não passaria de uma ação de marketing, de acordo com o jornal The Guardian.

O pesquisador Cliff Arnall, ex-acadêmico da Universidade de Cardiff, no País de Gales, divulgou em 2005 uma fórmula para calcular a "segunda-feira deprê". O dia 20 de janeiro seria resultado de um cálculo que inclui as dívidas acumuladas no final de ano, o tempo ruim, o retorno ao trabalho depois das férias, volta às aulas das crianças, o fracasso das resoluções de final de ano e o dia da semana.

Segundo o The Guardian, o famoso "Blue Monday" é um mito criado por uma empresa de turismo. A pesquisa do psicólogo foi feita por encomenda do anunciante e não foi publicada em nenhum veículo acadêmico. A estratégia da empresa seria estimular os clientes a viajar para espantar a tristeza.

Segundo a equação do psicólogo, a segunda-feira mais triste do ano seria normalmente na última semana cheia do mês de janeiro.

A fórmula de Arnall também calcula o dia mais feliz do ano: a última sexta feira do mês de junho. Fatores como o bom tempo (junho marca o início do verão europeu) e a chegada das férias, que aumentam as atividades ao ar livre e a exposição ao sol, explicariam a data. Seguindo a "previsão" do psicólogo, neste ano o dia 27 de junho deveria ser o mais feliz para os britânicos.

VEJA TAMBÉM

     
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.