Risco aumentado

Estudo aponta relação entre tabagismo e câncer de mama

Chance de desenvolver a doença pode ser até 60% maior, segundo pesquisa

16/02/2014 | 09h01
Estudo aponta relação entre tabagismo e câncer de mama Adriana Franciosi/Agencia RBS
Foto: Adriana Franciosi / Agencia RBS

Uma pesquisa publicada nesta semana pelo periódico científico Cancer, da Sociedade Americana do Câncer, comprovou a ligação entre o consumo regular de tabaco e o tipo mais comum de câncer de mama em mulheres jovens. Os pesquisadores concluíram que pacientes com menos de 44 anos de idade que fumam pelo menos um maço de cigarro por dia, há pelo menos dez anos, apresentam 60% maior de risco para o desenvolvimento de tumores com receptor hormonal estrogênio positivo — que representa em torno de 80% dos casos de câncer de mama — em comparação com mulheres não fumantes.

O estudo, realizado no Centro de Pesquisa do Câncer Fred Hutchinson, de Seatle, avaliou 778 pacientes diagnosticadas com essa subclassificação da doença, além de 182 mulheres com o tipo denominado triplo negativo. Elas foram acompanhadas entre 2004 e 2010 e tinham entre 20 e 44 anos de idade.

— Apesar de ser um estudo que não envolve um grande número de pacientes, é um alerta sobre essa possibilidade, mas é difícil somente a partir dele obtermos uma comprovação definitiva. Por outro lado, sabemos que o cigarro talvez seja o carcinogênico mais importante de ser combatido e que aproximadamente um terço de todos os casos de câncer esteja relacionado ao tabagismo — avalia o coordenador do Centro de Prevenção do Câncer da Clinionco, Rafael Castilho Pinto.

— Os dados não alteram o tratamento do câncer em si, somente a recomendação de que as pacientes fumantes procurem um tratamento especializado para pararem de fumar, principalmente as mulheres que já apresentam outros fatores associados, o que pode aumentar em muito o risco para desenvolver a doença — ressalta a mastologista Kenia Melissa Borguetti.

Até então, era pouco conhecida a influência do tabaco sobre cada subtipo de câncer de mama, porém especialistas têm alertado cada vez mais sobre essa relação.

VEJA TAMBÉM

     
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.