Comer bem

Um lanche saudável, saboroso e versátil: conheça os overnight oats e saiba como prepará-los

Ricos em fibras, eles devem ser preparados na noite anterior ao consumo

Por: Camila Kosachenco
11/10/2016 - 10h46min | Atualizada em 11/10/2016 - 11h56min

Em nome da praticidade, a nova moda alimentar é colocar as refeições em um pote de vidro. A proposta começou com as saladas e, agora, chega ao café da manhã e aos lanches. Os chamados overnight oats (ou "aveia dormida") são uma espécie de "pavês saudáveis" que, como o nome diz, são preparados na noite anterior ao consumo, fazendo com que os ingredientes ganhem mais sabor.

A diferença é que, no lugar das bolachas, dos cremes e do leite condensado, as camadas são preenchidas com iogurtes, frutas, grãos e cereais. Além de saudáveis, os overnight oats têm mais uma vantagem: trocando alguns elementos, é possível mudar o sabor e o valor nutricional.

Leia mais:
Você pode substituir a goji berry pelo morango. Veja como fazer trocas e economizar
Dentro ou fora da geladeira? Saiba onde armazenar os alimentos
Veja dicas de como preparar marmitas saudáveis

— É interessante variar os componentes para dar rotatividade aos alimentos e fornecer mais nutrientes ao organismo — diz a nutricionista Gabriela Port, da clínica Nutrissoma.

Não há regras rígidas para o preparo, mas indica-se criar combinações com um carboidrato, uma proteína, uma gordura e uma ou duas frutas. Outra dica é preferir os cereais integrais aos refinados e fugir do açúcar.

Depois de pronta, a mistura deve "dormir" na geladeira. Ela pode ser consumida como café da manhã ou lanche entre as principais refeições.

— Os overnight oats podem ser carregados facilmente, têm qualidade nutricional, auxiliam na saúde intestinal e promovem saciedade, pois são ricos em fibras — destaca Gabriela.

Ficou com vontade? Então confira algumas receitas indicadas por Gabriela e pela nutricionista oncológica Fernanda Bortolon.



 






 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.