Saúde

Hospital Mãe de Deus ganha certificação de humanização na América Latina

Instituição é a segunda do continente a conquistar título baseado em metodologia de atendimento centrado no paciente

Por: Zero Hora
10/05/2017 - 19h19min | Atualizada em 10/05/2017 - 19h19min

O Hospital Mãe de Deus recebeu recentemente a certificação Planetree, metodologia norte-americana que orienta suas atividades através da empatia, carinho e respeito ao próximo. A instituição é a segunda da América Latina a alcançar o título. Há três anos, o hospital implementou uma série de ações centradas no cuidado da pessoa nos níveis físico, mental, emocional, social e espiritual.

Desde o início do processo, foram realizadas cerca de 1,8 mil iniciativas de acordo com os preceitos Planetree, entre elas a flexibilização do horário de visitas, a escolha do cardápio das refeições pelos pacientes e o incentivo ao acesso ao prontuário. Outras iniciativas marcaram a vida das pessoas, como viabilizar a saída temporária de pacientes para acompanharem momentos especiais da família e até a visita de um cavalo ao hospital. 

Leia mais:
Dia Nacional da Vacinação contra a gripe será neste sábado
Gravidez na adolescência tem queda de 17% no Brasil

A presidente do Sistema de Saúde Mãe de Deus, Irmã Lucia Boniatti, destaca que estas ações comprovam a preocupação do hospital em acolher as pessoas respeitando suas singularidades. 

— Norteamos nosso trabalho através do amparo sensível às necessidades de cada indivíduo, entendo que cada um é único. Oferecendo atendimento humanizado, rico em amor e zelo pelo próximo, promovemos a saúde e o bem-estar de pacientes, familiares e de nossa equipe.

A metodologia Planetree estabelece que dez subcomitês sejam criados para investigar, desenvolver, implementar e avaliar iniciativas centradas no paciente e relacionadas aos componentes do modelo da certificação. Os subcomitês englobam Arquitetura e design; Comunidades; Espiritualidade e diversidade; Aspectos nutricionais; Toque humano; Arte, música e entretenimento; Educação de pacientes, familiares e colaboradores; Interações entre pessoas; Suporte à família e acompanhantes. 

O processo de certificação iniciou-se no final de 2013 com o Hospital Albert Einstein, que representa o Escritório do Planetree no Brasil, e foi o primeiro a receber a certificação no País.

A metodologia Planetree foi criada em 1978, nos Estados Unidos, por Angélica Thieriot, uma argentina que passou por uma experiência de internação nada agradável. Ela não pôde ter acesso ao seu prontuário, teve negada visita de seu líder religioso e de uma pessoa que falasse seu idioma. Sua experiência a motivou a criar uma filosofia de vivência hospitalar em que os pacientes podem ter assistência em um ambiente curador e humanizado.

 
 
 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.