Queda livre

Desempenho da dupla Gre-Nal no Brasileirão é o pior da última década

Os dois times estão entre os quatro últimos colocados no segundo turno

20/09/2016 - 14h01min | Atualizada em 20/09/2016 - 16h29min
Desempenho da dupla Gre-Nal no Brasileirão é o pior da última década Lucas Uebel/Divulgação
Dupla Gre-Nal soma o pior rendimento da década no Brasileirão Foto: Lucas Uebel / Divulgação

O desempenho da dupla Gre-Nal no Brasileirão 2016 é o pior entre os dois clubes somados desde que foi adotado o sistema atual do campeonato — 20 clubes em pontos corridos —, em 2006. Até a 26ª rodada, os dois times gaúchos somaram apenas 64 pontos — ano passado, na mesma rodada, Grêmio e Inter já haviam computado 88 pontos.

É um desempenho que surpreende. Afinal, no início do campeonato, a Dupla chegou a liderar o Brasileirão. Na terceira rodada, o Grêmio foi líder após vencer o Atlético-MG em Belo Horizonte. E se manteve no G-4 nos 15 jogos seguintes. Mas, depois da vitória sobre o Corinthians na abertura do returno, não conseguiu voltar ao grupo da Libertadores - estacionou no 11º lugar e trocou o comando técnico da equipe de Roger para Renato Portaluppi.

Leia mais
Jogadores lamentam derrota para o América-MG no final: "Dói muito"
Renato fechará portões para definir seu primeiro Grêmio de 2016
Sorteio dos confrontos das quartas da Copa do Brasil será nesta sexta-feira

A queda do Inter impressiona mais. Afinal, quando ainda era treinada por Argel, a equipe chegou a liderar o campeonato em três vezes: a quinta, a sétima e a oitava rodada. Mas foi justamente a partir daquela vitória sobre o Atlético-MG, no Beira-Rio, que a equipe engatou uma sequência de 14 jogos sem vitória, que derrubou, sem escalas, o time para a zona do rebaixamento. A derrocada colorada também inclui duas trocas de técnico: depois de Argel, Falcão ficou 27 dias no cargo antes da contratação de Celso Roth.

A queda de desempenho da Dupla contrasta com o Brasileirão 2014, em que os rivais tiveram seu melhor rendimento conjunto nas primeiras 26 rodadas - fizeram 90 pontos, sendo que o Inter era vice-líder, enquanto o Grêmio estava em quinto. Em termos de colocação, o melhor ano foi 2006 - o Grêmio era vice-líder, 45 pontos, e o Inter estava em terceiro, com 44.

A performance da dupla Gre-Nal este ano caiu especialmente no segundo turno — ambos têm aproveitamento de menos de 24%. Os dois times estão no Z-4 da segunda metade do campeonato - só cinco pontos em sete jogos. Pelo saldo de gols, o Grêmio tem a pior campanha do returno, enquanto o Inter é o 17°.

*ZHESPORTES


 
 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.