Clássico

Atlético-MG vence o América e segue na cola dos primeiros colocados 

Fred volta a ser carrasco do clube que o revelou após já ter marcado no primeiro turno pelo Fluminense

Por: Lancepress
13/10/2016 - 22h13min | Atualizada em 13/10/2016 - 22h23min
Atlético-MG vence o América e segue na cola dos primeiros colocados  Bruno Cantini / Atlético-MG, Divulgação/Atlético-MG, Divulgação
Foto: Bruno Cantini / Atlético-MG, Divulgação / Atlético-MG, Divulgação

O Atlético-MG se recuperou do empate com o Corinthians e venceu por 3 a 0 o clássico de número 400 na história contra o América-MG, na noite desta quinta-feira, no Mineirão, pela 30ª rodada do Campeonato Brasileiro – agora são 196 triunfos atleticanos, 100 empates e 104 vitórias do Coelho. O triunfo manteve o Galo próximo dos primeiros colocados Palmeiras e Flamengo, ainda tendo ambos como adversários em Belo Horizonte.

Com o resultado, o Atlético-MG foi aos 56 pontos, mantendo-se na terceira colocação após a 11ª vitória consecutiva na condição de mandante neste Brasileirão. Já o América-MG continua com apenas 21 pontos e na 20ª colocação. Após ensaiar uma reação com dois empates e duas vitórias, o Coelho foi derrotado pelo terceiro jogo consecutivo.

Leia mais:
Em casa, Ponte Preta bate Vitória e segue sonhando com vaga no G-6 
Inter esclarece vídeo em que Piffero aparece na noite carioca
Em Araraquara, Palmeiras e Cruzeiro ficam no 0 a 0

O Atlético voltará a atuar no Brasileirão diante do Botafogo, no próximo domingo, às 17h, no Rio de Janeiro. O duelo será no Luso-Brasileiro. Já o América, no mesmo dia, visitará o Corinthians, na Arena Corinthians. A partida terá início às 18h30min. 

O Atlético tratou de pressionar o América desde o início, encontrando um adversário recuado e que buscava o erro alvinegro para levar perigo. Pressão que quase surtiu efeito logo aos quatro minutos. Em uma finalização de fora da área de Otero, João Ricardo defendeu e, na sobra, nova intervenção do camisa 1 americano após Clayton concluir salvou o Coelho. Clayton ainda teria nova tentativa frustrada por João Ricardo aos 19. Era o duelo do jogo até então, com o jogador do Coelho levando a melhor.

O América tinha como meta conter o já esperado ímpeto do Galo e buscar os contra-ataques para surpreender, o que não acontecia. Eis que Fred fez justiça ao domínio atleticano. Após Leandro Guerreiro não tomar a melhor das decisões, o Atlético ficou com a bola e o cruzamento da esquerda encontrou justamente o camisa 99, revelado pelo clube. Finalização indefensável para o até então intransponível João Ricardo: Galo 1 a 0 aos 36 minutos, marcando pela 11ª vez no Brasileirão. E foi após o gol alvinegro que o Coelho quase empatou com Osman, aos 45. Mas foi a vez de Victor aparecer e impedir o gol.

O Atlético voltou para o segundo tempo buscando encontrar os espaços necessários diante de um América que não oferecia muito risco. Faltava inspiração aos comandados de Enderson Moreira. O segundo gol alvinegro quase veio aos oito, mas a cabeçada de Leonardo Silva foi espalmada por João Ricardo. Já aos 19, o goleiro americano não teve como evitar o gol atleticano. Investida bem arquitetada após erro de Claudinei, cruzamento de Clayton e gol de Carlos César.

Sem outra alternativa, o América tentou reagir e superar suas próprias deficiências. Enderson Moreira deixou o time sem nenhum atacante de origem em campo e, mesmo assim, o Coelho teve duas ótimas chances. Victor evitou o gol de Juninho, após finalização que desviou em Leonardo Silva e Osman mandou bola na trave aos 38. Eis que, no minuto seguinte, o contra-ataque perfeito iniciado por Pratto foi concluído com extrema categoria pelo argentino. Goleada e vitória com justiça do Galo, que segue sonhado com o título.

*LANCEPRESS


 
 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.