Sangue doce

Rhodolfo joga a responsabilidade para o outro lado: "Eles são os favoritos"

Estar em casa e à frente na tabela credenciam o Inter no clássico, afirma zagueiro

05/08/2014 | 18h47
Rhodolfo joga a responsabilidade para o outro lado: "Eles são os favoritos" Fernando gomes/Agencia RBS
Foto: Fernando gomes / Agencia RBS

Terceiro colocado com 25 pontos, na zona da Libertadores e jogando em casa. Estes são os argumentos que o zagueiro gremista Rhodolfo usa para qualificar o Inter como o favorito para o Gre-Nal 402. Apesar disso, reforça que depende do lado azul vencer e dar uma resposta ao torcedor após duas derrotas seguidas no Brasileirão.

Escale seu time para o Gre-Nal 402 e compartilhe nas redes sociais
Leia mais notícias sobre o Grêmio
Confira a tabela do Brasileirão

— Eles são favoritos por estar jogando em casa, entre os primeiros da tabela. Mas a gente tem um bom time e precisa vencer de qualquer maneira. É um jogo diferente, à parte. A cidade inteira é movida por esse clássico. Uma vitória boa recupera a confiança — disse o defensor após o treinamento da tarde desta terça-feira.

Nos dois Gre-Nais que decidiram o Gauchão, deu Inter: 2 a 1, na Arena, e 4 a 1, no Centenário. Rhodolfo ressaltou a boa fase de Rafael Moura e a bola aérea do Inter, mas lembrou que a preocupação é com todos. Abel Braga deve contar com o retorno do chileno Aránguiz.

Geromel fala em "pé no chão" para estancar gols sofridos

— Tem que jogar para ganhar. Sabemos da nossa qualidade. Um jogo como esse muda muita coisa para a gente. O Inter é um time que vai brigar o ano inteiro, então temos de diminuir essa distância para os times que estão lá na frente — conclui.

Segundo o zagueiro, o sistema defensivo, antes o melhor do Campeonato Brasileiro, precisou de muita conversa para minimizar os erros dos últimos jogos com vistas ao Gre-Nal. Sem um time definido, Rhodolfo acredita que a experiência de Felipão será fundamental tanto para o clássico quanto ao restante da competição:

— Só a vinda do Felipão já traz uma confiança enorme para nós, jogadores. Vai nos passar muita coisa, com a experiência que teve até fora do país. Nos cobrou a comunicação dentro de campo, o posicionamento. Vamos ver como ele gosta de jogar. O que optar vamos para o jogo da melhor maneira possível.

Luiz Zini Pires: os sete desafios de Felipão
Gremista ZH: o maior desafio de Felipão é ensinar o que é o Grêmio

Acompanhe o Grêmio no Brasileirão através do Gremista ZH. Baixe o aplicativo:

App Store

Google Play

*ZHESPORTES

VEJA TAMBÉM

     
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.