Campeão

Brasil goleia Chile por 5 a 0 e conquista o Sul-Americano Sub-17

Seleção faturou o título pela 12ª vez na história

Por: Lancepress
20/03/2017 - 00h34min | Atualizada em 20/03/2017 - 00h34min
Brasil goleia Chile por 5 a 0 e conquista o Sul-Americano Sub-17 Conmebol / Divulgação/Divulgação
Foto: Conmebol / Divulgação / Divulgação  

O Brasil brilhou e, com uma goleada por 5 a 0 para cima do Chile, conquistou o título do Sul-Americano Sub-17, neste domingo. A taça veio em plena casa chilena, no Estádio El Teniente, em Rancágua. O volante Bobsin, do Grêmio, foi o único representante da dupla Gre-Nal em campo.

O início de jogo foi mais favorável aos chilenos, pelo menos no volume de jogo. Mas, logo aos 10 minutos, a seleção abriu o placar com uma jogada muito bem tramada. Após receber no meio de campo, o centroavante Lincoln deu um belíssimo passe para o atacante Paulinho, que, ao ver a aproximação do goleiro Rodrigo Cancino, deu um leve toque por cima e inaugurou o marcador.

Leia mais:
Eurico Miranda anuncia Milton Mendes como novo técnico do Vasco
Chapecoense atropela o Tubarão e aplica goleada histórica
"Não vejo rosto, credo, cor ou classe social", diz técnico do Boa sobre contratação do goleiro Bruno

A sequência da primeira etapa foi bem tranquila, principalmente para o sistema defensivo brasileiro, e o goleiro Gabriel teve vida tranquila. Por outro lado, o Brasil segurou bastante o ritmo da partida, levando perigo apenas com Lucas Halter, em uma cabeçada que balançou o travessão de Cancino. Antes do intervalo, a equipe de Carlos Amadeu ampliou. Alanzinhou cobrou falta e contou com um golpe de sorte: a bola bateu na trave e nas costas do goleiro chileno antes de entrar.

Na etapa complementar, os chilenos bem que tentaram sair um pouco mais para o jogo. Com isso, os espaços apareceram para o ataque do Brasil e, na bola parada, a seleção fez o terceiro. Aos 20min, um cruzamento de Alanzinho passou por todo mundo e enganou Cancino. Ainda houve tempo para que Lincoln, aos 35, e Alanzinho, de novo, aos 37min, fechassem a conta de gols em Rancágua.

Depois disso, o jogo seguiu em um ritmo reduzido, com os chilenos praticamente entregues e a garotada brasileira apenas aguardando o apito derradeiro para comemorar, pela 12ª vez na história, a conquista do Sul-Americano Sub-17.

*LANCEPRESS

 
 
 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.