Desgaste

Grêmio agenda reunião para definir se escalará reservas contra Coritiba

Técnico Renato Portaluppi vai priorizar os jogos da Copa do Brasil e da Libertadores e fará rodízio em partidas do Brasileirão  

Por: Rodrigo Oliveira
19/06/2017 - 15h30min | Atualizada em 19/06/2017 - 15h30min
Grêmio agenda reunião para definir se escalará reservas contra Coritiba Bruno Alencastro/Agencia RBS
Foto: Bruno Alencastro / Agencia RBS  

Mesmo com a possibilidade de atingir a liderança nesta segunda-feira (19), o Grêmio irá poupar titulares nas próximas partidas do Brasileirão. Preocupada com a alta sequência do mês de junho, a direção agendou para a próxima quarta (21) uma reunião, onde definirá em quais jogos os atletas serão poupados.

Contra o Coritiba, na quinta (22), a tendência é que a maior parte do time seja formada por reservas. O calendário gremista prevê seis partidas nos próximos 16 dias, com um intervalo inferior a três dias entre cada jogo.

Leia mais
Sem espaço no Grêmio, zagueiro Wallace Reis deve ser reemprestado
Arena abre venda de ingressos para decisão entre Grêmio x Corinthians
Imprensa mineira projeta jogo para "acabar com a farra do vice-líder"


Está definido que os compromissos da Copa do Brasil, contra o Atlético-PR (dia 28 de junho) e da Copa Libertadores da América, contra o Godoy Cruz (dia 4 de julho), serão prioridades. Nesses dois jogos, o técnico Renato Portaluppi utilizará força máxima.

— Nos jogos mata-mata, a recuperação é mais difícil, porque são dois jogos que decidem esses confrontos. Essas partidas certamente receberão atenção especial do Grêmio. Já os outros jogos nós vamos administrar e aproveitar para poupar os jogadores que precisam ser poupados. A partir de quarta-feira, faremos análises e planejamentos para ver como enfrentaremos esses jogos até o Godoy Cruz — explica o vice de futebol Odorico Roman.

A saída será preservar atletas nos jogos do Brasileirão. Depois do jogo contra o Cruzeiro, nesta segunda (19), os dirigentes, a comissão técnica e os profissionais da fisiologia vão definir que titulares serão poupados e em quais jogos.

Contra o Corinthians, no próximo domingo (25), pela importância do confronto, o time deve ser predominantemente titular. No entanto, também não está descartado que alguns atletas mais desgastados fiquem de fora, caso os exames biológicos apontem risco de lesão.

— Existem medidas objetivas e científicas para saber onde o risco é maior, e isso será feito. Fisiologicamente falando, é impossível um jogador atuar durante toda a sequência que se apresenta. O risco de lesão sobe bastante. É necessário que, em algum momento, haja um rodízio de jogadores para que alguns possam jogar enquanto outros sigam atuando. Vamos administrar isso da melhor maneira possível — completa Odorico.

Já contra o Palmeiras, no dia 1 de julho, o time deve ser todo reserva, pois a partida ocorrerá apenas três dias antes do jogo contra o Godoy Cruz, pela Libertadores, que é a principal prioridade do clube.

ZHESPORTES

 
 
 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.