Versão mobile

São Paulo

Decisão suspende depoimento de Lula e Marisa sobre triplex 

A suspensão atendeu ao questionando sobre a atuação do promotor, alegando que ele não teria legitimidade para conduzir o inquérito

17/02/2016 - 01h00min | Atualizada em 17/02/2016 - 02h59min
Decisão suspende depoimento de Lula e Marisa sobre triplex  Michel Filho/Agência O Globo
Foto: Michel Filho / Agência O Globo

Uma decisão do Conselho Nacional do Ministério Público suspendeu o depoimento do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e de sua mulher, Marisa Letícia, ao Ministério Público de São Paulo, que estava previsto para esta quarta-feira, de acordo com informações do jornal Folha de S. Paulo.

O ex-presidente e sua mulher, Marisa Leticia, foram intimados a depor sobre a situação do triplex no condomínio Solaris, em Guarujá (SP), e suspeitas de irregularidades na transferência para a empreiteira OAS de obras inacabadas da Bancoop. Caso fale ao MP, será o primeiro depoimento de Lula na condição de investigado.

Leia mais:
Rosane de Oliveira: triplex, sítio e vários pontos de interrogação
Em meio a denúncias, Lula se reúne com conselho político do PT
Lula é vítima de "caça a uma liderança nacional", diz ministro

O triplex está em nome da OAS, e Lula justifica que tinha uma cota da cooperativa Bancoop, que pertencia ao Sindicato dos Bancários, mas que desistiu de comprar imóvel.

A suspensão do depoimento foi determinada pelo conselheiro Valter Araujo, que atendeu a pedido do deputado Paulo Teixeira (PT-SP) questionando a atuação do promotor Cassio Conserino, alegando que ele não teria legitimidade para conduzir o inquérito.

A decisão vale até que o plenário do conselho do MP avalie o caso.

Leia mais notícias do dia

 
 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.