Violência

"Ele não queria que ela morresse", diz advogado do marido de corretora assassinada em Canoas 

André Friedrich é suspeito de ser o mandante da morte da esposa na frente da filha

20/09/2016 - 19h56min | Atualizada em 20/09/2016 - 19h58min
"Ele não queria que ela morresse", diz advogado do marido de corretora assassinada em Canoas  Ronaldo Bernardi/Agencia RBS
Foto: Ronaldo Bernardi / Agencia RBS

O advogado de André Friedrich, 33 anos, sustenta que seu cliente não planejou a morte da esposa. O marceneiro foi preso nesta terça-feira, suspeito de ser o mandante do assassinato de Andressa Reinaldo Ellwanger Friedrich, 25 anos, em Canoas. Mateus Marques conversou com André e disse que ele nega que tivesse a intenção de matar a esposa. As informações são da Rádio Gaúcha.

— Ele não queria que ela morresse. Alega que seria um susto, porque teria problema de relacionamento com ela. Buscou criar a cena — disse o advogado sem dar muitos detalhes.

Leia mais:
Marido diz que queria dar "susto" na mulher: "Não era para matar"
"Nunca passou pela cabeça que seria ele", diz cunhada
Mulher morta em Canoas e marido brigavam por bens

O advogado diz que após o depoimento aos policiais, André disse a ele que jamais teve como motivação planejar a execução da esposa, diferente do que sustenta a Polícia. Mateus Marques teve acesso a documentos do inquérito, mas não à integra da investigação. Pretende fazer o pedido ao delegado. Sustenta que a Polícia não deveria ter ouvido André sem a presença de um advogado.

— O que mais parece estranho é ter feito a investigação e ter usado depoimento de André sem o mínimo de critério de segurança do investigado. Não chamaram o advogado antes do depoimento. Deveria ter um advogado presente durante os depoimentos.

Perguntado se pretende ingressar com alguma medida para tentar soltar André, o advogado disse que primeiro precisa da conclusão do inquérito. 

A corretora de seguros Andressa Reinaldo Ellwanger Friedrich foi assassinada no domingo quando chegava em casa, no bairro Olaria, com a filha de dois anos e o marido. Além do marido de Andressa, foi preso o ex-funcionário dele Anderson Souza, 21 anos. A Polícia Civil investiga a participação de um terceiro suspeito.

*Rádio Gaúcha

 
 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.