Saúde

Vacinação contra a gripe na rede pública começa na segunda-feira

Até o final da campanha, 4 milhões de doses devem ser aplicadas

Por: Rádio Gaúcha
15/04/2017 - 13h58min | Atualizada em 15/04/2017 - 14h12min
Vacinação contra a gripe na rede pública começa na segunda-feira Roni Rigon/Agencia RBS
Foto: Roni Rigon / Agencia RBS  

A campanha nacional de vacinação contra a gripe começa na próxima segunda-feira. No Estado, 1 milhão de doses da vacina já foram distribuídas para as unidades de saúde, que farão a aplicação. As informações são da Rádio Gaúcha.

Leia mais
Vacinas contra gripe já estão disponíveis nas clínicas particulares de Porto Alegre

Cada cidade fica responsável por organizar a logística. Em Porto Alegre, os profissionais das unidades básicas de saúde irão até escolas estaduais e municipais vacinar professores e alunos (com até cinco anos de idade incompletos). As demais pessoas devem se dirigir aos postos.

Fazem parte do grupo de pessoas que pode se vacinar na rede pública: idosos, trabalhadores de saúde, crianças de seis meses até 5 anos, gestantes, mulheres no período pós-parto, indígenas, população privada de liberdade, inclusive os adolescentes em cumprimento de medida socioeducativa, e pessoas com doenças crônicas. A novidade em 2017 é a inclusão dos professores da rede pública e privada neste grupo.

De acordo com o secretário estadual de Saúde, João Gabbardo, serão 4 milhões de doses da vacina no Rio Grande do Sul, até o final da campanha, em 26 de maio. Além da primeira remessa de doses (1 milhão), outras 400 mil unidades já chegaram ao Estado, mas ainda não foram distribuídas. A intenção é enviá-las aos municípios nos próximos dias.

Ao todo, serão sete remessas de doses da vacina a partir do Ministério da Saúde. O planejamento prevê que as remessas ocorram até o dia 16 de maio. Neste ano, a meta da campanha de vacinação contra a gripe é atingir 90% do público-alvo.

Leia as últimas notícias

 
 
 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.