Qualidade de vida

Alimentos funcionais podem prevenir doenças

Hábito de colocar alimentos funcionais na rotina pode tornar a vida depois dos 50 bem mais proveitosa

19/11/2014 - 16h35min
Alimentos funcionais podem prevenir doenças Fernando Gomes/Agencia RBS
Foto: Fernando Gomes / Agencia RBS  

A expectativa de vida dos brasileiros cresce a cada ano e, junto com ela, a preocupação com a qualidade desse tempo de novas experiências. Alimentos funcionais podem prevenir doenças e fazer com que o processo de envelhecimento seja mais lento.

– O envelhecimento é orgânico e vai acontecer de qualquer forma. Acontece que, quando alimentos funcionais fazem parte do nosso dia, nossos órgãos são estimulados eliminar radicais livres - que são responsáveis pelos diferentes tipos de câncer - e absorver nutrientes que, com o tempo, já não produzimos com tanta efetividade – explica Renata Ramos, professora de Nutrição na Unisinos.

Alimentos mais saudáveis tornam as pessoas mais felizes
Consumir vitamina C todos os dias combate o envelhecimento

Vitamina C, ômega 3, prebióticos e probióticos salvam vidas. Ou, pelo menos, mantém a qualidade por mais tempo. Ramos diz que o importante é diversificar e não fazer ingestão concentrada, como passar uma semana comendo muita chia e na outra muito frango, por exemplo.

– Comemos muitas bolachas e doces, que concentram produtos ruins e aceleram o processo de envelhecimento do corpo com a diminuição de funções estratégicas, menor absorção de nutrientes, aumento de gordura, alteração no funcionamento do cérebro.

Quando chegamos aos 50, precisamos de mais antioxidantes. Frutas e vegetais concentram mais essas moléculas que inibem a oxidação de outras moléculas. É esse processo de oxidação que faz com que a celular produzam radicais livres.

Confira os cinco principais tipos de alimentos funcionais e saiba quais são as doenças que elas podem prevenir:

1. Atum, salmão, sardinha e bacalhau: ricos em ômega 3, esses peixes marinhos podem ser consumidos assados ou cozido. O consumo de 180g por dia - que equivale a dois filés pequenos - melhora o funcionamento do sistema imunológico, diminuem a gordura no sangue e trazem benefícios consideráveis para a saúde do coração, pois reduzem os níveis de triglicerídes e a possibilidade de problemas cardíacos.

2. Suco de uva integral: Se o suco aproveita a casca e as sementes da fruta, há maior presença de substâncias antioxidantes. Esse alimento reduz o risco de doenças do coração e inibe a formação de câncer, coágulos e inflamações e reduz o envelhecimento da pele e de órgãos como o intestino. O ideal é consumir 1 copo e meio por dia.

3. Couve-flor, repolho, brócolis, rabanete e mostarda contém indutores de enzimas que protegem contra o câncer de mama, pois inibem a mutação do DNA. Esses alimentos são ricos em isotiocianatos e indóis que são liberados quando cozidos.

4. Aveia, farelo de trigo, feijão, ervilha e frutas com casca reduzem o risco de câncer de cólon e melhoram o funcionamento do intestino. Esses alimentos também controlam a quantidade de glicose no sangue e ajudam no tratamento contra a obesidade.

5. Tomate e melancia contém licopeno. Produtos que contém essa substância reduzem os níveis de colesterol e o risco de câncer de próstata.

– Mas é bom lembrar que manter alimentos funcionais na dieta e, ainda assim, manter os processados, os gordurosos e com alto teor de açúcar não funciona – lembra a nutricionista.

 
 
 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.