Saúde

Duas pessoas já morreram com sintomas de doença misteriosa que deixa a urina preta

Há registro de 52 paciente com os sinais na Bahia

Por: Zero Hora
12/01/2017 - 17h35min | Atualizada em 12/01/2017 - 18h15min

Subiu para dois o número de pacientes que morreram na Bahia depois de apresentarem sintomas de uma doença desconhecida que provoca fortes dores musculares e deixa a urina preta. De acordo com o jornal O Globo, a segunda vítima morreu no último sábado, em Salvador. O primeiro óbito ocorreu no dia 31, em Vera Cruz.

Em dezembro, começaram a surgir os primeiros relatos de pacientes com estes sinais. Ao todo, foram registrados 50 atendimentos em Salvador, um em Vera Cruz e outro em Lauro de Freitas.

A Secretaria de Saúde da Bahia (Sesab) está monitorando e analisando os casos. Dos 44 pacientes já investigados, 43 sentiram dores musculares fortes e súbitas, 21 eliminaram urina preta, 19 apresentaram dor a um toque leve no corpo e 16 sentiram dores nas articulações e sudorese.

Leia mais:
Tatuagens precisam se cuidados extras no verão. Saiba quais são eles
Alimentação com menos sal poderia salvar milhões de vidas, diz estudo
Dermatite associada ao uso de fraldas atinge 25% das crianças 

Ouvido pelo O Globo, o pesquisador Gúbio Soares, do Laboratório de Virologia da Universidade Federal da Bahia, sugere que o problema tenha sido causado pelos vírus dos gêneros Enterovírus ou Parechovírus que, apesar de não serem fatais, podem provocar insuficiência renal.

— É muito importante procurar o médico em caso de sintomas. A pessoa não deve, por exemplo, tomar remédios anti-inflamatórios de jeito nenhum — disse à publicação.

Num primeiro momento, levantou-se a suspeita de que a doença teria relação com o consumo de um peixe. Amostras dos animais foram enviadas para laboratórios no Brasil e nos Estados Unidos para analisar uma possível contaminação por metais pesados.

 






 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.