Síndrome de Robin Hood?

Corinthians supera primeiros colocados e "tropeça" na turma da segunda página

Contando jogos apenas contra os 10 piores, Corinthians seria o sexto colocado, com 70,3% de aproveitamento 

Por: Lancepress
21/07/2017 - 13h50min | Atualizada em 21/07/2017 - 13h50min
Corinthians supera primeiros colocados e "tropeça" na turma da segunda página Marco Galvão / Fotoarena/Agência Lancepress!/Fotoarena/Agência Lancepress!
Foto: Marco Galvão / Fotoarena/Agência Lancepress! / Fotoarena/Agência Lancepress!  

O Corinthians desperdiçou apenas oito pontos no Brasileirão e todos foram em jogos contra equipes que estão na segunda metade da tabela: empates com Chapecoense, Coritiba, Atlético-PR e Avaí. O Timão ainda enfrentou outros cinco adversários que estão entre os dez piores colocados.

Por outro lado, o Corinthians já somou seis vitórias diante dos dez melhores colocados. O aproveitamento total do Timão no campeonato é de 82,2%, com vantagem de seis pontos para o Grêmio, vice-líder.

Leia mais:
Após descanso, Luan deve voltar na vaga de Barrios contra o São Paulo
Redução da vantagem sobre o Grêmio deixa Corinthians em "alerta moderado", diz jornalista
Capitão Maicon destaca volta ao time do Grêmio: "É duro ficar fora"

Contando jogos apenas contra os dez piores, o Timão seria o sexto colocado, com 70,3%¨de aproveitamento, atrás de Bahia, Coritiba, Flamengo, Santos e Grêmio. Com isso, embora tenha perdido apenas oito pontos, o Corinthians foi até agora uma espécie de Robin Hood, herói mítico inglês que roubava da nobreza para dar aos pobres.

O técnico Fábio Carille e os jogadores seguem o mesmo discurso, sem priorizar algum tipo de adversário neste início de campeonato. A ideia é ir "jogo a jogo" e encarar cada confronto "como uma final", como não cansa de repetir o treinador.

Os quatro empates até agora não foram encarados como tropeços por comissão técnica e elenco, embora tenham sido contra times que estão entre os dez piores colocados. Após os últimos dois jogos, os empates com Atlético-PR e Avaí, por exemplo, Fábio Carille preferiu exaltar o ponto conquistado.

- Disparamos no início, mas não vamos conseguir manter 87, 88, 89% de aproveitamento. A exigência é de vocês, nós trabalhamos com os pés no chão, eu trabalho com a média pela qual fomos campeões em 2015 (71%). A gente trabalha jogo a jogo, estamos conscientes de tudo o que está acontecendo - disse o treinador, após o empate sem gols com o Avaí, na última quarta-feira.

- Nossa média de pontuação está até acima da normalidade - acrescentou Carille.

Na próxima rodada, o Corinthians volta a enfrentar um time que está na primeira metade da tabela. O jogo contra o Fluminense será no domingo, às 16h, no Maracanã.

 
 
 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.