Nas oitavas

Com gol contra, Inter perde para o Palmeiras pela Copa do Brasil

Jogo de volta, no Beira-Rio, está marcado para o dia 31

17/05/2017 - 23h42min | Atualizada em 18/05/2017 - 10h28min
Com gol contra, Inter perde para o Palmeiras pela Copa do Brasil MARCELLO FIM/RAW IMAGE/ESTADÃO CONTEÚDO
Foto: MARCELLO FIM / RAW IMAGE/ESTADÃO CONTEÚDO  

O Inter perdeu por 1 a 0 para o Palmeiras o jogo de ida das oitavas de final da Copa do Brasil. Oscilando durante boa parte da partida, em São Paulo, os colorados não tiveram força para reagir após o gol no primeiro tempo, marcado por Léo Ortiz, contra. Agora, para seguir adiante no torneio, o Inter precisará bater o Palmeiras no Beira-Rio por dois gols de diferença, no próximo dia 31. Vitória colorada por 1 a 0 levará a decisão uma vez mais para os pênaltis. Neste sábado, em casa, o Inter receberá o ABC, em partida válida pela segunda rodada da Série B.

Depois de eliminar o Corinthians na Copa do Brasil, o Allianz Parque não impressionou o time de Antônio Carlos Zago. Nos primeiros minutos, enquanto o Palmeiras tentava articular as suas perigosas jogadas de ataque, o Inter se defendia bem, controlava as ações defensivas e até mesmo o temível jogo aéreo palmeirense parecia sob controle. E por pouco o Inter não saiu na frente em São Paulo. Aos 11 minutos, após cobrança de escanteio, Edu Dracena concluiu contra e acertou o travessão, no rebote, Cirino chutou e Jean salvou em cima da linha.

Leia mais:
Do que o Inter precisa para avançar às quartas de final da Copa do Brasil
Pequena vantagem e atuação de Felipe Melo: como os jornais de SP viram a derrota do Inter
Zago: "Jogamos de igual para igual com a equipe mais badalada"

Quando o Inter avançava, Felipe Melo apresentava armas, com chegadas viris sobretudo em Nico López e em Felipe Gutiérrez. Aos 22 minutos, Zé Roberto foi envolvido pelo ataque colorado, William cruzou na área e Cirino cabeceou com força, para fora. O Inter foi correr risco mesmo aos 30 minutos. Ortiz foi desarmado no campo de ataque e o Palmeiras chegou a passes até a área, onde Guerra bateu sobre o gol. Dois minutos depois, porém, um duro castigo para o Inter. Willian correu pela esquerda e cruzou rasteiro para a área. A bola cruzou a pequena área, onde Borja mal posicionado dificilmente faria o gol. Antes que abola chegasse ao colombiano, Ortiz se jogou contra ela e a empurrou para o gol, sem chances para o surpreso Daniel.

A solidez do Inter se foi com o gol contra. O time de Zago passou a avançar em busca do gol e a sofrer um contra-ataque atrás do outro — quase todos em cima de Fabinho, William e Ortiz. Aos 41, Borja entrou a dribles, deixou Daniel sentado e chutou na trave.

Leia mais:
"É muito melhor do que muito time da Primeira Divisão", diz Felipe Melo sobre o Inter
Vice de futebol do Inter fala de "infelicidade da defesa" e decisão em aberta contra o Palmeiras
"Está tudo aberto", diz Daniel após derrota do Inter para o Palmeiras

Sem mudanças na equipe, o Inter voltou para o segundo tempo com maiores resguardos defensivos, a fim de evitar os contra-ataques. Derrota de 1 a 0 fora de casa, no jogo de ida, não seria exatamente um desastre. Aos poucos, o Palmeiras voltou a crescer em campo e a pressionar o Inter, que, com 15 minutos de jogo, já não conseguia mais atacar. Fernando Prass quase não participava da partida, sequer tinha chance de cobrar um tiro de meta.

Sem alternativas para concatenar um lance de gol, o Inter passou a atacar de qualquer maneira, de forma desordenada, deixando generosos espaços para o Palmeiras voltar à carga. Aos 22 minutos, Daniel fez grande defesa em chute de fora da área de Willian. Aos 25, enfim, o primeiro chute do Inter a gol na segunda etapa. Cirino, cara a cara com Prass errou a conclusão e bateu mascado, sem perigo algum.

Leia mais:
Cotação ZH: Ortiz é o pior na derrota do Inter para o Palmeiras
Torcedor Colorado ZH: desafortunado passeio no Parque
Diogo Olivier: Inter enfrentou o campeão brasileiro de igual pra igual

A partir dos 31 minutos, Zago mandou Roberson a campo. O Inter tentou o empate e só não conseguiu porque o cabeceio de Dourado em cobrança de falta de D'Alessandro parou em uma grande defesa de Prass. O Inter cresceu no final, reagiu tarde demais, e não conseguiu fazer o suficiente para empatar. 

Veja a galeria de fotos de Palmeiras x Inter:

* ZHESPORTES

 
 
 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.