Hora de confirmar

Monaco de Falcao e Mbappé se prepara para festejar o título

Para perder título, time precisaria ser derrotado nos dois próximos jogos por goleadas extravagantes

Por: AFP
16/05/2017 - 13h12min | Atualizada em 16/05/2017 - 13h12min
Monaco de Falcao e Mbappé se prepara para festejar o título Yann Coatsaliou / AFP/AFP
Foto: Yann Coatsaliou / AFP / AFP  

O Monaco vai encarar o Saint-Étienne, nesta quarta-feira (17), a apenas um ponto de levantar o título da Ligue 1, durante partida adiada da 31ª rodada do campeonato, jogo com ares de comemoração.

Leia mais:

Semana tem disputa de jogos atrasados nos principais campeonatos da Europa
Único alemão que nunca foi rebaixado, Hamburgo luta para seguir na elite
Nilmar é oferecido ao Santos, mas negociações não avançam

O time de Radamel Falcao e Kylian Mbappé goleou o Lille por 4 a 0 na última rodada e precisa apenas da confirmação matemática para levantar a taça. O vice-líder Paris Saint-Germain está a três pontos e só tem um jogo para disputar, contra o Caen no fim de semana. As chances do título não pararem no Principado são muito pequenas, já que além da vantagem de pontos o Monaco têm 73 gols de saldo, contra 56 do PSG.

Para Mbappé, apenas um terremoto evitaria o título da equipe. Já o treinador português Leonardo Jardim escolheu pressionar os jogadores antes da provável conquista.

– Temos de jogar como sabemos. Um ponto é suficiente, mas precisamos da mesma ambição de jogo. Se jogarmos pelo empate, estaremos mais próximos da derrota – explicou.

Jardim que ficar fora da euforia, apesar de não evitar comemorar o prêmio de melhor técnico da temporada, recebido na segunda-feira: "é uma recompensa por três anos de trabalho".

O Saint-Etienne apenas completa tabela no campeonato, na 8ª colocação e não tem ambições.

A partida foi adiada por conta da participação do Monaco na final da Copa da Liga, contra o PSG, em abril. O time do Principado perdeu a decisão por 4 a 1. 

 
 
 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.